Browser não suportado!!!
Para melhor visualização, o Boletim Jurídico recomenda a utilização do Mozilla Firefox ou Google Chrome

 

Ebook Gratuito - Produtividade e lucratividade na advocacia

Por SAJ ADV - Software Jurídico

Inserido em 07/05/2018

Não é segredo para ninguém: dentre todas as profissões, advogados são os que mais sofrem com a agitada rotina. E muitas vezes essa rotina pode sair do controle e acabar refletindo na lucratividade do escritório. Pensando nisso produzimos o ebook “Advogado produtivo, escritório lucrativo”, onde trazemos uma série de dicas práticas para tirar o melhor de seu dia a dia, fugindo de armadilhas que a rotina nos constrói.

Da tradicional sobrecarga de trabalho, passando pela melhor distribuição das horas, a produtividade é a chave para evitarmos que esses problemas se tornem algo ainda maior. E para isso algumas ferramentas, como um software para advogados, são essenciais.

Tópicos abordados nesse ebook sobre Produtividade na Advocacia:

Caia na rotina!

Achou a frase estranha? Acredite - uma rotina organizada de trabalho pode melhorar muito seus resultados no escritório de advocacia. Neste eBook, mostraremos como a boa distribuição de horas de trabalho influencia na gestão da banca.

Comunicação é fundamental

A comunicação entre os colaboradores (e setores) também é indispensável para evitar sobrecargas e garantir maior produtividade do trabalho do advogado. Veja algumas técnicas para melhorar sua comunicação.

Tecnologias que facilitam

Com o suporte das tecnologias adequadas, a gestão fica mais fácil. O profissional tem visibilidade de todas as suas tarefas, compromissos e prazos.

E para fazer o download gratuito desse material, é super simples! Basta clicar AQUI ou acessar o seguinte endereço: http://pages.sajadv.com.br/como-aumentar-a-produtividade .

Quer ficar por dentro das novidades sobre gestão de escritório de advocacia? Faça seu cadastro no melhor software jurídico e receba os materiais exclusivos em seu e-mail.

Inserido em 07/05/2018
Esta página já foi acessada 137 vezes.

Comentários